POLOS DE VACINAÇÃO DISPONIVÉL

Os 100 dias de vacinação contra a Covid-19

Publicados

em

Cuiabá completou cem dias de campanha de vacinação contra a Covid-19. A campanha Vacina Cuiabá – Sua Vida em Primeiro Lugar. O trabalho teve início no dia 20 de janeiro e atingiu na data de hoje, 122 mil doses aplicadas.

Nossa gestão tem sido referência nacional, mostrando que Cuiabá está certa, e que também é copiada por outras cidades. Cuiabá tem uma gestão de zelo e de muita responsabilidade. Estamos chegando hoje no 100º dia de vacinação, com mais de 120 mil doses aplicadas. Além disso, estamos sendo destaque nacional, por não estar tendo problemas com a segunda dose, comemorou o prefeito Emanuel Pinheiro.

A capital mato-grossense hoje dispõe de cinco polos de vacinação que estão instalados no Centro de Eventos Pantanal, no Sesi Papa, estacionamentos da Universidade Federal de Mato Grosso e Assembleia Legislativa de Mato Grosso e Sesc Balneário. Todos operantes, com a aplicação de e dose para os grupos de idosos de 60 anos e mais, além dos trabalhadores de saúde da rede pública e privada.

Conforme já anunciado pelo prefeito, todos que tomaram a 1ª dose estão com a 2ª garantida, pois a Capital se precaveu e guardou imunizantes para a vacinação das duas doses.

Aqui quem tomou a 1ªdose, pode sossegar e dormir tranquilo. Por exemplo, se for CoronVac, daqui há 28 dias pode voltar que a sua 2ª dose estará lá e você receberá ela. Enquanto várias capitais do Brasil estão em desespero, porque não tem imunizante porque utilizou a 2ª como 1ª para poder ter mais gente vacinada, Cuiabá foi responsável, acelerou a vacinação sem comprometer a dose de ninguém. E com isso estamos acima da média nacional, com mais de 75% das doses aplicadas e com as segundas doses reservadas. Isso é motivo de muita alegria e muito orgulho, até porque o nosso foco, a nossa meta e a nossa prioridade é a vacinação já, de toda população cuiabana, ressaltou Pinheiro.

Confira como será a vacinação neste final de semana:

CENTRO DE EVENTOS DO PANTANAL – sexta e sábado

• 2ª dose de idosos de 70 a 74 anos – CoronaVac

SESC BALNEÁRIO – sexta e sábado

• 2ª dose de Trabalhador da Saúde – Astrazeneca

SESI PAPA – Drive-thru – sexta e sábado

• 1ª dose de 60 a 64 – Astrazeneca
• 2ª dose de Trabalhador da Saúde – Astrazeneca

UFMT – Drive-thru – sexta e sábado

• 2ª dose de Trabalhador da Saúde – Astrazeneca

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA – sexta e sábado

• 1ª dose de 60 a 64 – Astrazeneca
• 2ª dose de Trabalhador da Saúde – Astrazeneca

DOCUMENTOS PARA QUEM VAI VACINAR COM PRIMEIRA DOSE: comprovante de agendamento da vacina (que mostra o QR Code), documento original com foto (RG, carteira de trabalho, CNH ou carteira profissional), comprovante de residência.

DOCUMENTOS PARA QUEM VAI VACINAR COM SEGUNDA DOSE: caderneta de vacinação e documento com foto. A pessoa deve comparecer ao local de vacinação na data e horário marcados no cartão. Esta informação também vale para aqueles que estão com a segunda dose atrasada.

*Pessoas que tiveram a segunda dose agendada para o dia 02/05 (domingo) devem comparecer na segunda-feira (03) para receber a vacina, no mesmo horário marcado no cartão de vacinação.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Blairo: "É dada a chance de se ter a terra, mas não de permanecer nela"
Propaganda

Política

Polícia Civil e DECCOR deflagraram “Operação Sinal Vermelho” em Cuiabá

Publicados

em

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Combate à Corrupção (DECCOR), deflagrou na manhã desta quarta-feira (05) a Operação “Sinal Vermelho”, após a conclusão dos trabalhos investigativos envolvendo a rede de semáforos adquiridos pela Prefeitura da Capital. As medidas foram deferidas pela juíza da 7ª Vara Criminal de Cuiabá, Ana Cristina Silva Mendes.

Os trabalhos partiram de análises realizadas por auditores do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT), por meio da qual foram identificadas diversas irregularidades no sistema de semáforos inteligentes adquiridos pela Prefeitura de Cuiabá ao valor de R$ 15.447.745,12.

A contratação ocorreu por meio de adesão a uma ata do município de Aracajú (SE). Os auditores do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) identificaram a inviabilidade do funcionamento do controle remoto de priorização de transporte público adquirido pela Prefeitura de Cuiabá, pois em Aracajú há o modal BRT que viabiliza o funcionamento, enquanto que na capital mato-grossense não existe tal modalidade de transporte, impossibilitando o cumprimento dessa parte do objeto contratual.

Ao analisar o relatório de auditoria, a Delegacia de Combate à Corrupção verificou que ao promover a contratação na forma detectada, com a impossibilidade de realizar o controle remoto de priorização de transporte público, entende-se que houve um dano ao erário no valor de R$ 553.884,32 em face da liquidação do item 13 do Contrato nº 258/2017 Software de Gerenciamento Semafórico Spinnaker/EMTRAC, diante da impossibilidade de funcionamento, uma vez que há ausência de comunicação do sistema.

Após todas as análises dos documentos foi deferida judicialmente a medida cautelar de afastamento do cargo do secretário de Mobilidade Urbana de Cuiabá, bem como o bloqueio de valores até o limite de R$ 553.884,32 (quinhentos e cinquenta e três mil, oitocentos e oitenta e quatro reais e trinta e dois centavos), em face do secretário, do representante legal da empresa contratada e nas contas da própria empresa.

Em nota divulgada a imprensa a Prefeitura de Cuiabá diz:

Sobre a Operação Sinal Vermelho, deflagrada na manhã de hoje (5), pela Polícia Judiciária Civil, a Prefeitura de Cuiabá informa:

-Reitera o compromisso, zelo e a total observância aos trâmites legais no processo de contratação dos novos conjuntos semafóricos; a gestão trabalha pautada pelo compromisso frente a administração de recursos públicos;

-Exonerou o secretário da pasta de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, em atendimento a determinação da juíza da 7ª Vara Criminal de Cuiabá, Ana Cristina Silva Mendes;

-Está à disposição para contribuir com à Polícia Judiciária Civil, órgãos de controle e Ministério Público e Poder Judiciário.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Taques se reúne com secretários para debater o enfrentamento da crise
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA