CUIABANOS INSATISFEITOS

Fecomércio-MT destaca importância da renovação na Câmara Municipal de Cuiabá

Publicados

em

A Rede Nacional de Assessorias Legislativas da Fecomércio-MT (Renalegis) divulgou o perfil dos 25 candidatos eleitos para ocupar a Câmara Municipal de Cuiabá para o próximo mandato (2021 -2024). Das 25 vagas disponíveis, 14 serão ocupadas por novos parlamentares, sendo duas mulheres. Na eleição passada, nenhuma mulher foi eleita.

Diante da renovação de 56% dos cargos, o presidente da Fecomércio-MT, José Wenceslau de Souza Júnior, acredita que a mudança será benéfica para o município.

Esta eleição mostrou que a população cuiabana estava insatisfeita com os atuais parlamentares, por isso acreditamos que os eleitos estarão atentos para cumprir suas promessas e trabalhar em prol da população e da classe empresarial, que gera emprego e renda aos moradores à população”.

De acordo com informações prestadas pelos próprios candidatos ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), um dos novos vereadores atua como médico, quatro são advogados, seis são servidores públicos, dois são empresários, uma é jornalista e outros 11 se reelegeram como vereador. Ainda nessa lista, há vereadores eleitos que ocupam a função de fiscal, locutor e radialista e outros.

O presidente destaca que a Fecomércio-MT continuará atenta às ações parlamentares, por meio da Renalegis.

Estaremos sempre acompanhando e nos posicionando diante das proposituras apresentadas pelos vereadores, tanto na defesa dos interesses da classe empresarial quanto da sociedade cuiabana”, finaliza Wenceslau.

Confira na lista abaixo o perfil de cada candidato eleito para compor a Câmara de Cuiabá na próxima legislatura:

Nome: Diego Guimarães (Reeleito – 2º Mandato)
Idade: 35 anos
Ocupação: advogado
Grau de instrução: superior completo
Partido: Cidadania

Nome: Marcrean dos Santos Silva (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 47 anos
Ocupação: vereador
Grau de instrução: superior completo
Partido: Progressistas

Nome: Adevair Cabral (Reeleito – 4º Mandato)
Idade: 55 anos
Ocupação: servidor público municipal
Grau de instrução: superior completo
Partido: PTB

Nome: Demilson Nogueira Moreira (1º Mandato)
Idade: 58 anos
Ocupação: advogado
Grau de instrução: superior completo
Partido: PP

Nome: Marcus Brito Junior (1º Mandato)
Idade: 36 anos
Ocupação: outros
Grau de instrução: superior completo
Partido: PV

Nome: Dilemário Alencar (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 54 anos
Ocupação: vereador
Grau de instrução: superior incompleto
Partido: PODE

Nome: Eduardo Magalhães (1º Mandato)
Idade: 41 anos
Ocupação: locutor e comentarista de rádio e televisão
Grau de instrução: ensino fundamental completo
Partido: Republicanos

Nome: Edna Sampaio (1º Mandato)
Idade: 53 anos
Ocupação: servidora pública estadual
Grau de instrução: superior completo
Partido: PT

Nome: Michelly Alencar (1º Mandato)
Idade: 37 anos
Ocupação: jornalista e redatora
Grau de instrução: superior completo
Partido: DEM

Nome: Renivaldo Nascimento (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 59 anos
Ocupação: fiscal
Grau de instrução: superior completo
Partido: PSDB

Nome: Mario Nadaf (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 54 anos
Ocupação: vereador
Grau de instrução: superior completo
Partido: PV

Nome: Sargento Joelson (Reeleito – 2º Mandato)
Idade: 43 anos
Ocupação: vereador
Grau de instrução: superior completo
Partido: Solidariedade

Nome: Dídimo Vovô (1º Mandato)
Idade: 41 anos
Ocupação: servidor público municipal
Grau de instrução: ensino médio completo
Partido: PSB

Nome: Luiz Fernando Amorim (1º Mandato)
Idade: 43 anos
Ocupação: médico
Grau de instrução: superior completo
Partido: Republicanos

Nome: Pastor Jeferson (1º Mandato)
Idade: 37 anos
Ocupação: empresário
Grau de instrução: superior completo
Partido: PSD

Nome: Juca do Guaraná (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 42 anos
Ocupação: empresário
Grau de instrução: superior completo
Partido: MDB

Nome: Coronel Paccola (1º Mandato)
Idade: 36 anos
Ocupação: policial militar
Grau de instrução: superior completo
Partido: Cidadania

Nome: Rodrigo Arruda e Sá (1º Mandato)
Idade: 40 anos
Ocupação: auxiliar de escritório e assemelhados
Grau de instrução: superior completo
Partido: Cidadania

Nome: Paulo Henrique (1º Mandato)
Idade: 52 anos
Ocupação: servidor público municipal
Grau de instrução: superior completo
Partido: PV

Nome: Wilson Kero Kero (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 50 anos
Ocupação: servidor público municipal
Grau de instrução: superior completo
Partido: PODE

Nome: Lilo Pinheiro (Reeleito – 3º Mandato)
Idade: 35 anos
Ocupação: advogado
Grau de instrução: superior completo
Partido: PDT

Nome: Cezinha Nascimento (1º Mandato)
Idade: 40 anos
Ocupação: outros
Grau de instrução: ensino médio completo
Partido: PSL

Nome: Kassio Coelho (1º Mandato)
Idade: 41 anos
Ocupação: outros
Grau de instrução: ensino médio incompleto
Partido: Patriota

Nome: Sargento Vidal (1º Mandato)
Idade: 51 anos
Ocupação: militar reformado
Grau de instrução: superior completo
Partido: PROS

Nome: Chico 2000 (Reeleito – 4º Mandato)
Idade: 65 anos
Ocupação: advogado
Grau de instrução: superior completo
Partido: PL

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  INSS: Justiça libera mais de R$ 1 bilhão para pagar atrasados
Propaganda

Política

Pesquisa IBOPE aponta vitória de Abílio no segundo turno

Publicados

em

Certamente uma das melhores traduções empíricas de expectativa de vitória são os resultados de surveys de intenção de voto. Assim como o tema de financiamento eleitoral, as pesquisas de intenção de voto são tratadas majoritariamente a partir dos seus possíveis efeitos eleitorais (neste caso, na relação entre divulgação de pesquisas e voto).

Trabalhos já trataram do tema buscando, sobretudo, verificar se as divulgações têm capacidade de alterar as expectativas, preferências e comportamentos dos eleitores. Os efeitos encontrados são majoritariamente de Bandwagon, quando as opiniões são alteradas em movimento pró-maioria, e em alguns casos de Underdog, normalmente relacionado a comportamentos cínicos, ou de protesto, alterações de opinião pró-candidato secundário.

A Pandemia de Coronavírus tem afastado mais eleitores das urnas, um cenário que tende se repetir nas eleições municipais neste próximo dia 29 de novembro onde estaremos escolhendo no segundo turno a pessoa que vai sentar na cadeira numero 1 do município por 4 anos. Como o voto é obrigatório no Brasil, cientistas políticos não preveem um patamar tão alto de abstenção por aqui neste segundo turno.

A TV Centro América, afiliada da Rede Globo de Televisão, divulgou nesta segunda-feira (23), a primeira Pesquisa Ibope para o segundo turno das eleições municipais em Cuiabá, que acontece neste domingo (29).

A pesquisa apresentada mostra uma diferença mínima entre o candidato do MDB, Emanuel Pinheiro, da Coligação “A Mudança Merece Continuar, e o candidato Abilio Jacques Brunini Moumer, o Abílio Junior, da Coligação “Cuiabá para Pessoas do Podemos.

Conforme a Pesquisa IBOPE, que foi realizada com 602 entrevistados no período de 21 a 23 de novembro, tanto o candidato do Podemos, Abílio Junior como o candidato do MDB, Emanuel Pinheiro estão tecnicamente empatados no limite da margem de erro.

A pesquisa é quantitativa e realizada em entrevistas por meio de telefones. O intervalo de confiança é de 95%, e foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o Número MT-07435/2020.

Abílio Júnior (Podemos) aparece em primeiro lugar 54% dos votos válidos
Emanuel Pinheiro (MDB) aparece com 46%.

Na modalidade estimulada

Abílio Júnior (Podemos) tem 48%
Emanuel Pinheiro (MDB), com 40%.

Brancos e nulos são 7%, e 6% das pessoas que foram entrevistadas não souberam ou não responderam. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na ultima pesquisa realizada e apresentada para a população cuiabana, no primeiro turno das eleições no dia 12 de novembro, quando havia 8 candidatos pleiteando a vaga de prefeito da capital, Abílio Junior aparecia na época com 32% das intenções de voto e Emanuel Pinheiro, com 31%.

Considerando a margem de erro, os resultados poderiam chegar a 36% para Abílio Júnior e 35% para Emanuel Pinheiro. Nas urnas, o resultado foi de 33,72% para Abílio Junior, e para Emanuel Pinheiro, 30,64%.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  23,14% de brasileiros não compareceram para votar; número recorde de abstenções desde 1996
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA