ESPAÇO INTEGRADO

Mais MT vai investir R$ 25 milhões na construção de centro de formação das forças policiais

Publicados

em

Com foco na formação, capacitação e treinamento dos servidores que atuam nas forças de segurança do Estado, o Governo de Mato Grosso vai destinar, por meio do Programa Mais MT, R$ 25 milhões para a construção de uma Academia Integrada da Segurança Pública.

A previsão é de que a execução inicie ainda no primeiro semestre de 2021 e seja finalizada em 18 meses. O local onde será construído o espaço integrado é o atual Centro Oficial de Treinamento (COT) do Pari, em Várzea Grande, construção iniciada com vistas para a Copa do Mundo de 2014, sediada no Brasil e que teve Cuiabá como uma das cidades sede. Contudo, a obra não foi concluída.

No espaço de 10 mil metros quadrados está prevista a construção de dois parques esportivos, como quadras poliesportivas, piscina semiolímpica, tanque de mergulho, pista de direção defensiva e ofensiva, pista de combate a incêndio, stand de tiros, alojamentos, salas de aula, setor administrativo e demais construções que servirão para capacitação e treinamento dos servidores.

Hoje a deficiência de locais para capacitação é muito grande, em matéria de equipamento e estrutura. A ideia do governador Mauro Mendes é criar um centro de excelência para treinamento de bombeiros, policiais militares e civis e grupos táticos especializados, visando a formação de profissionais e, consequentemente, a capacitação deste mesmo público em treinamento. Teremos um local de modelo internacional, como todo projeto do governo, com estruturas de qualidade para que cada vez mais as forças policiais tenham excelência no treinamento para dar a sociedade maior segurança”, assegurou o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante.

O programa Mais MT foi lançado em outubro deste ano e prevê recursos na ordem de R$ 9,5 bilhões em investimentos públicos durante a atual gestão (2019-2022). Deste montante total, 63% serão de recursos próprios do Governo de Mato Grosso, e o restante por meio de operações de crédito, convênios e emendas. Somente para a Sesp, R$ 766 milhões servirão para ampliar a qualidade do serviço disponibilizado ao cidadão.

O assessor do Escritório Diretivo de Projetos Especiais da Sesp-MT, coronel BM Marcos Roberto Hübner, enfatizou que o planejamento é dar utilidade para a obra que começou e não foi entregue.

O projeto já foi criado e agora aguardamos a finalização do processo judicial entre a construtora e o Governo de Mato Grosso quanto ao que está previsto para ser entregue e o que já foi pago. Esta obra é de extrema importância para nossos profissionais, pois o treinamento e aperfeiçoamento é uma das premissas da atividade policial, destacou.

Além da necessidade de capacitação permanente, os servidores que ingressam nas forças de segurança pública por meio de concurso público precisam também cumprir as exigências de posse do cargo no quesito de aprovação nos treinamentos exigidos pelas unidades.

Serão beneficiados com a academia, os servidores da Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Sistema Penitenciário e Sistema Socioeducativo.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  União e Poconé decidem vaga nesta quarta-feira
Propaganda

Geral

Secel divulga resultados de três editais da Lei Aldir Blanc

Publicados

em

A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) divulgou o resultado preliminar de três dos cinco editais da Lei Aldir Blanc que tiveram inscrições encerradas no dia 16 de novembro. Nas publicações constam os projetos selecionados, classificados e inabilitados nas seleções públicas Conexão Cultura Jovem, MT Criativo e Conexão Mestres da Cultura Marília Beatriz de Figueiredo Leite.

De acordo com o cronograma, o período para recurso será de dois dias, ou seja, os proponentes têm até quinta-feira (26) para recorrer nos três editais. O julgamento dos recursos pode alterar as listas de projetos selecionados.

As análises dos projetos inscritos nos editais MT Nascentes e Circuito de Mostras e Festivais estão em fase de finalização e devem ser concluídas até sexta-feira (27), conforme retificações publicadas.

Juntas, as duas seleções públicas contam com R$ 19,75 milhões para atender quase 500 projetos.

Recebemos uma demanda enorme de inscrições, foram mais de 1.800 propostas. Organizamos uma força-tarefa para analisar tudo em tempo recorde. Foram dias intensos para as equipes da Secel, mas gratificantes. Conseguimos analisar uma grande parte dos projetos recebidos e até sexta concluiremos mais uma etapa para o cumprimento dessa nobre missão!, expõe o secretário da Secel, Alberto Machado.

Com R$ 7 milhões disponíveis, o edital Conexão Mestres da Cultura Marília Beatriz de Figueiredo Leite vai atender 70 propostas que homenagearão personalidades mato-grossenses utilizando pelo menos duas mídias diferentes. Cada projeto contemplado receberá até R$ 100 mil para sua execução. Resultado preliminar AQUI.

Divididos em mundo das artes, negócios digitais e criações funcionais, os 32 projetos de economia criativa selecionados contarão com até R$ 50.000,00 cada um para sair do papel, consolidar sua execução ou entrar na fase de crescimento. O edital MT Criativo totaliza de R$ 1,6 milhões de investimento. Resultado preliminar AQUI.

Já o edital Conexão Cultura Jovem selecionará cinco Laboratórios de Comunicação e Cultura (LabCom) a serem instalados em comunidades com índices de vulnerabilidade social. Cada projeto vai receber R$ 200 mil para levar ações formativas com foco em práticas culturais da própria coletividade. O valor total investido é de R$ R$ 1 milhão. Resultado preliminar AQUI.

A classificação final dos projetos foi feita por comissão técnica que contou com uma equipe especializada de servidores da Secel e de membros do Conselho Estadual de Cultura.

Após a divulgação do resultado final da seleção, os proponentes dos projetos selecionados terão sete dias para apresentação de documentação complementar. O cronograma apertado tem como objetivo o pagamento dos aprovados até o dia 31 de dezembro deste ano.

Como entrar com recursos

Para reavaliação dos projetos considerando os requisitos exigidos, os proponentes devem solicitar as informações nos endereços de e-mail indicados no respectivo edital.

Os itens ou documentos necessários para interposição de recurso também serão recebidos digitalmente.

Edital Conexão Cultura Jovem:
[email protected]

Edital Conexão Mestres da Cultura:
[email protected]

Edital MT Criativo:
[email protected]

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  União e Poconé decidem vaga nesta quarta-feira
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA