DERROTA EM CASA

Vitória americana em confronto contra o Cuiabá

Publicados

em

Jogando pela 23ª rodada do Brasileirão Assaí, no Estadio Governador José Fragelli, a Arena Pantanal, em confronto realizado na tarde deste sábado (2), o América (MG) bateu o Cuiabá, por 2 a 0 em Cuiabá. Zárate e Ademir marcaram os gols que garantiram os três pontos do Coelho.

O resultado leva a equipe mineira ao 13º lugar, com 27 pontos. Já o Cuiabá fica em 11º, somando 28 pontos. Essa partida marca a volta dos torcedores na Arena. Apesar disso, os 2.426 torcedores que foram à Arena Pantanal viram o time perder a invencibilidade que já durava seis jogos.

No meio da semana, a equipe do técnico Jorginho visita o Grêmio. O Coelho terá seu primeiro contato com sua torcida e receberá o Palmeiras. Os dois jogos serão às 21h30 da quarta-feira (6).

O jogo

O Coelho foi às redes logo aos 12 minutos: Zárate cobrou falta com muita categoria, no ângulo de Walter, sem chances para o arqueiro adversário, inaugurando o marcador. A partir do gol mineiro, o confronto se equilibrou e os dois times criaram chances. Pepê, aos 22 e Osman, aos 32, quase deixaram tudo igual, mas o chute do meia foi para fora e a finalização do atacante parou no arqueiro adversário. Mauro Zárate por pouco também não fez seu segundo, aos 30 minutos, em chute forte que passou perto da trave.

Na etapa final, em vantagem, o América-MG adotou uma postura mais reativa, deixando a bola com o Cuiabá e buscando os contra-ataques. O Dourado forçava nas bolas levantadas na área, mas não conseguiu marcar. E com isso, em uma transição rápida, Lucas Kal lançou Ademir no costado da defesa, ele arrancou em velocidade e tocou na saída de Walter para ampliar o marcador.

O gol do Coelho fez o ritmo do confronto cair e o ímpeto ofensivo do Dourado diminuir, e assim, o placar se manteve até o final.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cadeiras sujas de poeira e preços abusivos no bar, cadê o Estatuto do torcedor?
Propaganda

ESPORTES

Dutrinha passará a contar com placar eletrônico em LED

Publicados

em

A reforma e reestruturação realizada pela gestão Emanuel Pinheiro no Estádio Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha, garante ao templo do futebol mato-grossense a instalação de um placar eletrônico em LED, que permitirá ao torcedor a visualização límpida de informações inerentes às partidas realizadas no local. O processo de aquisição do equipamento está em andamento e é efetuado por meio do Pregão Eletrônico 037/2021.

O edital montado pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer em parceria com a Secretaria Adjunta Especial de Licitações e Contratos estabelece que o equipamento deve seguir especificações como medida de 6,50m x 2,50m e dígitos de 40cm, sendo possível mostrar a contagem de gols, nomes das equipes e tempo de partida. A abertura das propostas tem previsão de ocorrer na próxima sexta-feira (22).

A proposta vencedora do Pregão Eletrônico será aquela considerada a de menor preço do lote, seguindo os critérios fixados pela Lei Federal 8.666/93, que dispõe sobre as normas para licitações e contratos na Administração Pública.

Mediante a apresentação de documentos, a empresa deverá comprovar a capacidade técnica para execução do serviço, que terá que ser realizado em até 30 dias após assinatura da ordem de fornecimento.

É um equipamento imprescindível para a realização de jogos no local. Espera-se, com isso trazer novamente o Estádio Dutrinha ao cenário do futebol mato-grossense, bem como torná-lo um espaço moderno, adequado para torcedores e eventos, tornando-o mais agradável e confortável visando o fortalecimento do esporte na Capital”, justifica a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, no edital.

O Estádio Presidente Dutra, pertencente à Prefeitura de Cuiabá desde julho de 2011 e foi declarado, “Tombado como Patrimônio Histórico de Cuiabá-MT”, pela Lei Municipal 2.761 de 25/05/1990, de autoria do, na época, vereador Emanuel Pinheiro, como forma de preservá-lo. Entre 2010 e 2014 foi o principal Estádio de Mato Grosso devido a demolição do Estádio Verdão para dar lugar a atual Arena Pantanal.

Neste ano, o estádio chegou ser cedido, temporariamente, à Confederação Sul-Americana de Futebol e foi utilizado como centro de treinamento das seleções que participaram da Copa América.

Desde sua construção, em 1952, ele passa pela maior obra de reestruturação. A reforma foi iniciada em 2019 e recebe o investimento de aproximadamente R$ 2 milhões, aplicado pela gestão Emanuel Pinheiro.

Veja nos anexos abaixo o edital e o aviso de abertura licitação

https://www.cuiaba.mt.gov.br/download.php?id=143124

https://www.cuiaba.mt.gov.br/download.php?id=143125

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Dom Bosco e Luverdense perdem no Brasileirão
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA