MATA-MATA DO MATO-GROSSENSE

Raio X das quartas de final do Mato-grossense 2021

Publicados

em

Enfim chegou a fase da mata – mata das quartas de final do Campeonato Mato-grossense de futebol, temporada 2021. Um empate e três vitórias marcaram o inicio da fase eliminatória da competição estadual.

O Operário de Várzea Grande, foi ao município de Sorriso e arrancou um empate em 2 a 2 com o Clube local. Mesmo o Lobo do Norte saindo atrás do marcador, conseguiu impor o fator “casa”, ao correr atrás do prejuízo e igualar os gols com o Chicote da Fronteira.

Tirando a invencibilidade do atual campeão de 2020, o Luverdense jogando em casa venceu o Nova Mutum por 1 a 0 no Passo das Emas. O Azulão da BR 163 não conseguiu impor seu favoritismo diante do Verdão do Norte, que marcou de pênalti e segurou o resultado.

O Ação, que é da cidade de Santo Antônio do Leverger, jogou no Dito Souza em Várzea Grande. O Tuiuiú do Pantanal, que mais uma vez, atropelou o União de Rondonópolis, por 3 a 1. Os críticos da Crônica Esportiva, ressaltaram que esse time do Colorado é o pior dos últimos 5 anos.

O Dom Bosco, que se livrou do rebaixamento, avançando para quartas, não conseguiu, pela lógica vencer o Cuiabá, “soberano” nesse estadual. O resultado, pela lógica, com vitória do Dourado sobre o Azulão por 2 a 0.

Dentre as possibilidades de volta, ainda acredito que o Nova Mutum possa reverter o resultado e classificar para as semifinais. Outro jogo que vejo como difícil, é a partida de Volta entre Operário e Sorriso. Ação e o Cuiabá, devem se encontrar nas semifinais, até por que, são superiores pelo que apresentaram nas partidas passadas.

Muita surpresa vai surgir nesse Mato-grossense 2021, aguarde… (Igor Gabriel)

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Federação remarca partida da semifinal do Campeonato Mato-grossense 2017
Propaganda

ESPORTES

Mutum e Operário empatam sem gols no jogo de ida da semifinal

Publicados

em

Nova Mutum e Clube Esportivo Operário Várzea-grandense empataram em 0 a 0 no jogo de ida das semifinais do Campeonato Mato-grossense. O duelo foi na tarde desta terça-feira (04) no estádio Valdir Doilho Wons. O jogo de volta será às 9 horas de sábado (08) no Dito Souza, Cristo Rei, em Várzea Grande.

O Azulão da Massa bem que tentou abrir o placar e criou várias situações de gols, mas pecou nas finalizações. O comandante técnico Willian de Mattia não conformou com a falta de tranquilidade de seus homens em campo, principalmente os atacantes.

É uma decisão de campeonato e não pode cometer esses erros que aconteceram nesse primeiro tempo. Vou conversar com o elenco e pedir mais empenho nas finalizações, disse.

O Tricolor Várzea-grandense procurou se defender e explorar os contra-ataques, mas não foi bem. E aos 40 perdeu o lateral esquerdo Lucas Evangelista, que não teve alternativa se não parar a jogada de ataque do atacante Wandinho. O árbitro não pensou duas vezes e aplicou o vermelho, já que o jogador já tinha recebido o amarelo no começo do jogo.

Na etapa final o time da casa continuou pressionando o Tricolor Várzea-grandense, mas os erros da etapa inicial persistiram. Melhor para o time visitante, que a exemplo do primeiro tempo avançava nos contra-ataques, mas sem objetividade nas finalizações.

Eles voltam a se enfrentar na manhã do próximo sábado no Dito Souza e um novo empate decisão nos tiros livres. O Cuiabá levou a melhor e venceu por 2 a 0 o Ação na manhã do último domingo e volta a jogar no próximo domingo (09) na Arena Pantanal com a vantagem do empate para ser finalista.

Ficha técnica

Local: Estádio Valdir Doilho Wons, Nova Mutum
Árbitro: Rafael Odilio Ramos dos Santos.
Assistentes: Renan Antonio Angelim Rodrigues e Marcelo Grando.
Quarto árbitro: Antonio José Molina.
Cartões amarelos: Jorge (NM); Lucas Evangelista e Jeferson (Ope)
Cartão Vermelho: Lucas Evangelista (Ope)

NOVA MUTUM – Gabriel; Cristian (Alexandre), Taison, Jorge e Bruno; Miranda, Erick, Willians (Welder) e Cris; Fernandinho (Alexandro) e Wandinho (Abú).

Técnico: Willian de Mattia.

OPERÁRIO – Elias; Matheus, Boré, Negueti e Lucas Evangelista; Odair, Lucas Cardoso (Felipe Tchelé), Jeferson e Tony Júnior (Vinícius); Luan (Fabinho) e Wellisson (Carlos Alberto).

Técnico: Leocir Dall Astra.

(Diário de Cuiabá)

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Estudantes com o FIES já podem suspender parcelas na Caixa
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA