EM NEGOCIAÇÃO

Mixto recebe contato de representante de grupo investidor

Publicados

em

Em toda a negociação será sempre respeitado o estatuto do clube

O Conselho Gestor e o Conselho Deliberativo do Mixto Esporte Clube se reuniram com investidores do eixo Rio de Janeiro-São Paulo e iniciaram uma negociação. O interesse desse grupo é gerir o clube respeitando o estatuto vigente.

Ainda é um primeiro contato e não foi debatido valores. A promessa é de negociação para quitação das dívidas e investimentos em todas as categorias.

O grupo vai enviar uma proposta oficial e ela será avaliada pelos conselhos do Mixto e analisada pelo departamento jurídico. Se concretizada a negociação, uma das exigências é deixar o CNPJ do Alvinegro limpo, para não serem feitas mais nenhuma dívida.

Ficou acordado ainda que o grupo fará investimentos nas categorias de base, e o Mixto terá um percentual por cada revelação. Todo o contrato será feito para proteger o Alvinegro.

O Conselho Gestor e o Conselho Deliberativo do maior Campeão de Mato Grosso ressaltam que não estão vendendo e nem abandonando o Mixto, mas pretendem, se der certa esta negociação, dar um novo futuro para o clube. E tudo será feito com lisura, transparência e acompanhando de perto pelos dois conselhos.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Volta do "Estadual 2020" só final do ano
Propaganda

ESPORTES

SBT negocia cotas de R$ 7,9 mi por Fla-Flu e dividirá faturamento com Fla

Publicados

em

Com os direitos de transmissão do jogo de volta da final do Campeonato Carioca em mãos, o SBT trabalha para tirar do papel seu plano comercial. O canal de Silvio Santos conversa com anunciantes e agências com quem tem contato no mercado e já conseguiu vender uma cota de patrocínio. A emissora tem como meta conseguir negociar mais quatro.

A reportagem apurou que o SBT vende cada uma das cotas pelo valor de tabela de R$ 7,9 milhões, considerado alto para apenas uma transmissão. Mas é comum que emissoras concedam descontos generosos para seus anunciantes, quase nunca praticando o preço de tabela.

Pelo vínculo assinado com o Flamengo, SBT e Rubro-Negro vão dividir os lucros com anunciantes. Uma cota de patrocínio já foi vendida ao aplicativo financeiro PicPay. Outra é negociada com a Ambev, que quer expor a marca Brahma na transmissão até por ter patrocinado os dois clubes envolvidos em suas lives do Campeonato Carioca. A expectativa é fechar os acordos até o fim da tarde de amanhã (14).

O valor é considerado alto para uma transmissão pontual. Mas existe um otimismo muito grande no SBT pelos índices de audiência que o jogo pode alcançar nas principais metrópoles que são referência para o mercado publicitário. Em São Paulo, o canal de Silvio Santos quer fechar com pelo menos 10 pontos de média.

No Rio de Janeiro, a expectativa é que os números sejam maiores, na casa de 15 pontos de média. O canal até sonha com a liderança, mas a meta é muito difícil de ser alcançada. Isso porque a final vai concorrer com o “Jornal Nacional” e com a novela “Fina Estampa”, que costumam registrar respectivamente 30 e 33 pontos e são as duas maiores audiências do concorrente.

A procura do Rubro-Negro foi fruto de pressão dos patrocinadores do clube, que pediram que a diretoria carioca buscasse uma forma de exibir a final do Estadual na TV aberta para aumentar a exposição de suas marcas. Mesmo com os recordes das transmissões na web, os anunciantes argumentaram que o alcance ainda é bastante baixo em comparação com o que uma TV nacional pode conseguir.

O jogo será narrado por Téo José, que trabalha no Fox Sports e foi cedido gentilmente pela Disney ao SBT para a transmissão pontual. Os comentaristas ainda serão definidos. Nomes como Zico e Andrade, além de Branco e Roberto Rivellido, todos ligados ao Flamengo e ao Fluminense, foram falados. A equipe completa deverá ser anunciada hoje (13). – (UOL)

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ações imediatas “é disto que o povo gosta é isso que o povo quer”
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA