VITÓRIA NA SERIE B

Dourado bate Coelho pela 1ª vez e desencanta na Série B

Publicados

em

Após estrear com empate no Brasileirão da Série B, o Cuiabá duelou contra o América de Minas Gerais, no Estádio Independência, buscando a primeira vitória na competição.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) escalou árbitro Léo Simão Holanda no apito central, auxiliado por Cleberson do Nascimento Leite e Eleutério Felipe Marques Junior, todos do Estado do Ceará (CE).

Coelho acabou sendo superado por 1 a 0 pelo Cuiabá, na noite desta terça-feira em Belo Horizonte, pela segunda rodada da competição, e perdeu embalo depois de estreia positiva diante da Ponte Preta, fora de casa. Rafael Gava, aos cinco minutos do primeiro tempo, marcou o gol do jogo.

O resultado deixa o América na posição da tabela do Brasileirão, com 3 pontos. O Cuiabá chega ao lugar, com 4 pontos. O time mato-grossense é o único invicto entre os clubes das duas primeiras divisões nacionais em 2020.

Na próxima rodada da Série B, o América encara o Operário, nesta sexta-feira, às 19h15, novamente no Estádio Independência. Já o Cuiabá visita o CRB em Alagoas, no sábado, às 21h, no Estádio Rei Pelé.

América-MG – Airton; Diego Ferreira, Messias, Eduardo Bauermann e João Paulo (Neto Berola); Zé Ricardo, Juninho (Sávio), Alê e Matheusinho (Marcelo Toscano); Felipe Augusto (Léo Passos) e Vitão (Rodolfo)
– Técnico: Lisca Doido

Cuiabá-MT – João Carlos; Hayner, Everton Sena, Anderson Conceição e Romário; Auremir, Rafael Gava e Elvis (Maxwell); Felipe Marques (Matehus Barbosa), Yago (Felipe Ferreira) e Jenison (Fabrício).
– Técnico: Marcelo Chamusca

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  "Carta Aberta" de países europeus protestam contra política ambiental brasileira
Propaganda

ESPORTES

Série B: Cuiabá derrota o Oeste e assume a liderança

Publicados

em

O Cuiabá foi superior ao Oeste e não teve qualquer dificuldade para vencer por 3 a 0 na noite deste sábado (19), na Arena Pantanal, em jogo válido pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Mantendo o bom retrospecto dentro de casa, o Cuiabá voltou a jogar bem na competição e não deu chances ao time do Oeste.

O Dourado cuiabano entrou em campos buscando encerrar o jejum de 3 jogos sem vencer para continuar no G-4. Com o resultado, o Dourado chegou aos 21 pontos, sendo o líder isolado da competição. Já o time de Barueri, que segue no Z4, acabou estacionando com 6 pontos, ocupando a 19ª colocação.

O fenômeno chamou atenção antes do início da partida, dificultando a visibilidade dos jogadores foi a fumaça causada pelas queimadas que atingem a região do Pantanal que pôde ser vista durante a partida entre Cuiabá e Oeste na Arena Pantanal.

O Cuiabá, time mandante, entrou com uma faixa contendo uma mensagem de conscientização sobre o problema das queimadas que atingem a região pantaneira.

Com toda essa situação que vive o Pantanal mato-grossense com as queimadas, o Governo do Estado de Mato Grosso decretou “Estado de Calamidade” por conta das queimadas. Foram registrados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (IMPE), 36 mil focos de queimadas, o maior incêndio registrado na região pelo instituto desde que o monitoramento começou a ser feito, em 1998.

A PARTIDA

Jogando em casa, a equipe do Cuiabá iniciou o confronto na pressão diante o Oeste. Antes dos 10 minutos completados, a equipe da casa já ofereceu perigo no chute de Felipe Ferreira que acabou parando na defesa de Glauco, evitando o tento da equipe local.

Motivado pelo momento, momentos mais tarde a equipe o Dourado abriu a contagem na Arena Pantanal. Aos 14, após receber bom passe na área, Maxwell conseguiu fazer a jogada para dentro e mandar para o fundo das redes. 1 a 0.

O Cuiabá não queria mesmo deixar o Oeste sonhar com uma possível vitória. Ainda vibrando com seu primeiro tento, aos 20 minutos Everton Sena tratou de ampliar a vantagem, de cabeça, fazendo 2 a 0.

Além do resultado, a equipe da casa ainda conseguia manter mais a posse de bola. Com isso, eram raras as chegadas do Oeste até os acréscimos da etapa, segurando-se apenas nas investidas dos comandados de Chamusca.

Na volta para o segundo tempo, apenas Renan Freitas optou por mudar sua equipe. Porém as trocas não surtiram efeito, já que o Cuiabá não dava chances da Onça procurar seu tento até meados dos 15 minutos, criando as melhores oportunidades de gol.

Ainda na expectativa de descontar, o Oeste ainda teve um pênalti a seu favor aos 27. Porém, de maneira brilhante, o goleiro João Carlos fez uma bonita defesa mantendo o marcador sem alterações.

Para coroar uma noite perfeita por parte do Cuiabá, Felipe Marques, ainda balançou a rede adversária, aos 41. Após erro de Nilton, o atleta do Dourado, na saída de Glauco, fez o terceiro de sua equipe no jogo, dando números finais na Arena Pantanal.

O Dourado cuiabano volta a jogar na próxima terça-feira pela 11ª rodada fora de casa às 19h, diante do Operário Ferroviário Esporte Clube (PR). Já o Oeste, que amarga a penúltima colocação do certame com 6 pontos, joga somente no próximo sábado, quando visitará o Vitória (BA), às 15h30, em busca de redenção.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cuiabá recebe o Oeste na Arena Pantanal de olho na liderança
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA