BRASILEIRÃO DE ASPIRANTES

Cuiabá estreia no Brasileirão de Aspirantes 2021

Publicados

em

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), divulgou, nesta segunda-feira (3), os clubes participantes da próxima edição do Brasileirão de Aspirantes 2021. Atual campeão, o Ceará retorna à competição ao lado de outras 15 equipes. O Brasileiro de Aspirantes tem início previsto para o dia 10 de junho.

Os 16 clubes estão divididos em dois grupos, com oito equipes cada. Na Primeira Fase, os times enfrentam os clubes de chaves opostas em turno único. Os quatro melhores de cada grupo avançam para a Segunda Fase, em que as equipes são divididas em dois quadrangulares. Os dois melhores da cada quadrangular se classificam para a Terceira Fase, disputada em mata-mata.

O Dourado é o 27º no Ranking Nacional de Clubes da CBF, com isso, os mato-grossenses estarão na competição. O Brasileirão de Aspirantes Sub-23 é disputado por 16 equipes, divididas em dois grupos na primeira fase. É permitida a utilização de três atletas acima de 23 anos em súmula.

Os mato-grossenses caíram no grupo A: Corinthians, Santos, Ceará, RB Bragantino, Fortaleza, Figueirense e CRB (AL).

A estreia do Auriverde da Baixada está agendada para o dia 10 de junho, em casa, diante do Fortaleza.

Grupo A

Ceará, Corinthians, Cuiabá, Figueirense, Grêmio, Juventude, Ponte Preta e Vitória

Grupo B

Avaí, Bahia, Coritiba, CRB, Fluminense, Fortaleza, Red Bull Bragantino e Santos

Com os times participantes, a CBF também divulgou a tabela básica do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Na primeira rodada, o Ceará recebe o Red Bull Bragantino e Corinthians e Santos se enfrentam em um clássico paulista.

Confira todos os confrontos da abertura do Brasileiro de Aspirantes:

Ceará x Red Bull Bragantino
Corinthians x Santos
Cuiabá x Fortaleza
Figueirense x CRB
Fluminense x Grêmio
Coritiba x Juventude
Avaí x Ponte Preta
Bahia x Vitória

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cuiabá vence Ação e esta a um passo da final
Propaganda

ESPORTES

Mutum e Operário empatam sem gols no jogo de ida da semifinal

Publicados

em

Nova Mutum e Clube Esportivo Operário Várzea-grandense empataram em 0 a 0 no jogo de ida das semifinais do Campeonato Mato-grossense. O duelo foi na tarde desta terça-feira (04) no estádio Valdir Doilho Wons. O jogo de volta será às 9 horas de sábado (08) no Dito Souza, Cristo Rei, em Várzea Grande.

O Azulão da Massa bem que tentou abrir o placar e criou várias situações de gols, mas pecou nas finalizações. O comandante técnico Willian de Mattia não conformou com a falta de tranquilidade de seus homens em campo, principalmente os atacantes.

É uma decisão de campeonato e não pode cometer esses erros que aconteceram nesse primeiro tempo. Vou conversar com o elenco e pedir mais empenho nas finalizações, disse.

O Tricolor Várzea-grandense procurou se defender e explorar os contra-ataques, mas não foi bem. E aos 40 perdeu o lateral esquerdo Lucas Evangelista, que não teve alternativa se não parar a jogada de ataque do atacante Wandinho. O árbitro não pensou duas vezes e aplicou o vermelho, já que o jogador já tinha recebido o amarelo no começo do jogo.

Na etapa final o time da casa continuou pressionando o Tricolor Várzea-grandense, mas os erros da etapa inicial persistiram. Melhor para o time visitante, que a exemplo do primeiro tempo avançava nos contra-ataques, mas sem objetividade nas finalizações.

Eles voltam a se enfrentar na manhã do próximo sábado no Dito Souza e um novo empate decisão nos tiros livres. O Cuiabá levou a melhor e venceu por 2 a 0 o Ação na manhã do último domingo e volta a jogar no próximo domingo (09) na Arena Pantanal com a vantagem do empate para ser finalista.

Ficha técnica

Local: Estádio Valdir Doilho Wons, Nova Mutum
Árbitro: Rafael Odilio Ramos dos Santos.
Assistentes: Renan Antonio Angelim Rodrigues e Marcelo Grando.
Quarto árbitro: Antonio José Molina.
Cartões amarelos: Jorge (NM); Lucas Evangelista e Jeferson (Ope)
Cartão Vermelho: Lucas Evangelista (Ope)

NOVA MUTUM – Gabriel; Cristian (Alexandre), Taison, Jorge e Bruno; Miranda, Erick, Willians (Welder) e Cris; Fernandinho (Alexandro) e Wandinho (Abú).

Técnico: Willian de Mattia.

OPERÁRIO – Elias; Matheus, Boré, Negueti e Lucas Evangelista; Odair, Lucas Cardoso (Felipe Tchelé), Jeferson e Tony Júnior (Vinícius); Luan (Fabinho) e Wellisson (Carlos Alberto).

Técnico: Leocir Dall Astra.

(Diário de Cuiabá)

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  "50 é o número básico para jogar todas as condicionantes"
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA