REFORÇO PARA 2022

Cuiabá contrata Valdivia para temporada 2022

Publicados

em

Depois de passar suas últimas duas temporadas no Cuiabá, o meia-atacante Wanderson Ferreira de Oliveira, mais conhecido como Valdívia, uma eterna promessa, agora esta de casa nova, é o mais novo reforço do Cuiabá Esporte Clube para 2022. O Dourado anunciou o atleta neste domingo (2).

Sem detalhar os moldes do negócio, a diretoria do Cuiabá disse apenas que o atleta chega para a próxima temporada. Natural da cidade de Jaciara, o jogador de 27 anos foi revelado pelo time do Rondonópolis e acumula passagens por Internacional, Atlético, São Paulo Vasco e Avaí.

O jogador Valdivia ganhou destaque nacional quando jogou a Copa São Paulo de Futebol Junior em 2012, vestindo a camisa do Rondonópolis, e foi o artilheiro na época da competição. O atleta acabou sendo vendido para o Internacional, chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira Sub-23 em 2015.

Na última temporada, Valdivia disputou 50 jogos, marcou dois gols e distribuiu duas assistências. O jogador fez parte da campanha de acesso do Avaí para a Série A.

O Cuiabá anunciou um “pacotão” de reforços para 2022. Além de Valdivia, o clube contratou Juan Ojeda, Igor Cariús, Cristhian Rivas, Rodriguinho, Marquinhos, André Luis, Alesson e Kelvin Osorio.

Atualmente com 27 anos de idade, o jogador Wanderson Ferreira de Oliveira, mais conhecido como Valdívia atuou pelo Avaí nas duas últimas temporadas. Foram 96 partidas disputadas, com 9 gols marcados e 6 assistências distribuídas. A última vez que o atleta disputou a Série A do Campeonato Brasileiro havia sido no Vasco, em 2019.

Valdívia se despediu do Avaí na ultima quarta-feira. Em texto postado na rede social, o camisa 10 na campanha do acesso à Série A do Brasileiro de 2022, afirmou que não vai permanecer no elenco para a próxima temporada e ressaltou a “sensação do dever cumprido”.

Na passagem pelo Leão da Ilha, Valdívia conviveu com críticas por não assumir o protagonismo, mas teve papel essencial na busca pela vaga à elite. Contra o Sampaio Corrêa, ele anotou o gol de empate e também deu assistência para o gol de Renato, consolidando a vitória por 2 a 1, de virada.

Valdívia, inclusive, destacou exatamente isso em um dos trechos da postagem.

Tivemos altos e baixos, sucessos e dificuldades, mas sempre seguimos em frente até atingir nosso objetivo maior. Jamais vou esquecer daquela tarde mágica de 28 de novembro de 2021, quando tive a alegria de ajudar a virar o jogo que levou o Leão de volta pra Série A! É isto que vai ficar!“, escreveu.

Valdivia foi grande destaque na Copa Libertadores da América em 2015. No entanto, caiu de rendimento e o clube o emprestou ao Atlético (MG), que também não deu certo. Após isso, ele foi emprestado ao São Paulo, onde até deu uma melhorada de rendimento, mas também acabou não convencendo.

Nesta temporada de 2021, Valdivia subiu para a Série A junto ao Avaí, mas atuará na primeira divisão pelo Cuaibá.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cuiabá Arsenal não tem onde jogar o Brasileiro
Propaganda

ESPORTES

Eliminatórias da Copa não terá público nesta quinta-feira

Publicados

em

Para facilitar a logística e otimizar o tempo de preparação da Seleção Brasileira de Futebol, a cidade de Quito no Equador, começou a receber os primeiros integrantes da Seleção Brasileira, para os próximos dois jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar.

A primeira leva a desembarcar na capital equatoriana teve o meia Éverton Ribeiro e o atacante Gabigol, ambos do Flamengo, além do técnico Tite e dos membros da comissão técnica da Seleção. A primeira partida será contra a seleção dona da casa o Equador, nesta quinta-feira e contra o Paraguai na próxima terça-feira (1) no Mineirão.

Os demais atletas, todos que atuam na Europa, viajaram em voo fretado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A única exceção é o goleiro Weverton, do Palmeiras, que jogou neste domingo e também viaja nesta segunda, em voo de carreira.

O Comitê de Operações de Emergência (COE) do Equador decidiu que a partida entre a seleção local e o Brasil, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar, ocorrerá sem público. A bola rola na quinta-feira, às 18h (de Brasília), no Estádio Rodrigo Paz Delgado, também conhecido como Casa Blanca, em Quito.

A Federação Equatoriana de Futebol (FEF) tinha solicitado às autoridades de saúde do país a liberação de 60% da capacidade do estádio, que ao todo comporta aproximadamente 40 mil pessoas. A entidade citou em seus argumentos até mesmo o fato de que a Seleção Brasileira terá disponível 100% da capacidade do Mineirão para o seu próximo jogo, no dia . Mesmo assim, o pedido foi negado.

De acordo com as análises realizadas e conforme as informações técnicas disponíveis e a situação epidemiológica atual, a sugestão é que a partida se realize sem público a fim de preservar a saúde e o bem-estar da população, evitando um possível pico nos casos de Covid-19“, informou a COE em seu comunicado.

Quito anunciouAlerta Laranja em razão da Pandemia de Covid-19 entre os dias 24 e 31 de janeiro, o que limita a capacidade de locais como bares e restaurantes a 30% da capacidade, sempre seguindo protocolos de segurança. O Alerta Laranja é o segundo mais grave, atrás somente do Vermelho. Também há Amarelo e Verde“.

A Federação Equatoriana já tinha comercializado aproximadamente 20 mil ingressos em dezembro e precisará reembolsar os torcedores.

O jogo contra o Brasil, que já está classificado para o Mundial, vale pela 15ª rodada das Eliminatórias. A seleção equatoriana está em terceiro na classificação, com 23 pontos. Caso vença o Brasil, precisará somar só mais um ponto nas três rodadas finais para sacramentar sua vaga no Qatar.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Tigresas fazem festa com título de Bicampeão
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA