RETA FINAL PARA O IPTU 2021

IPTU 2021 vence nesta sexta-feira com 15% de desconto em Várzea Grande

Publicados

em

Atendendo uma recomendação do prefeito da Cidade Industrial, Kalil Sarat Baracat de Arruda (MDB), a Secretaria de Gestão Fazendária vai ampliar até sexta-feira, 16, prazo final, para pagamento do IPTU 2021, com 15% de desconto para quem não tem débitos anteriores e 5% para aqueles com pendências de anos passados, o atendimento presencial para os contribuintes que preferem comparecer para tratar de suas pendências, mesmo existindo outros meios, eletrônicos ou por atendimento online.

Além dos descontos o IPTU pode ser parcelado em até 8 vezes sem descontos e pago inclusive com Cartão de Crédito.

O horário de atendimento presencial será até as 17 horas e com mais espaços e mais cuidados para aqueles que desejarem ir até Secretaria de Gestão Fazendária.

Fora isto, estamos retomando os estudos de 2019 que foram deixados de lado em 2020 por causa do período eleitoral, para que aqueles que pagarem no prazo estabelecido, sejam contemplados com um desconto maior no IPTU de 2022, ou seja, se você como contribuinte cumpre com sua obrigação e paga seu IPTU na data de 16 de abril de 2021, no ano que vem você terá além do desconto normal, mais 5% extra por ser pontual, disse a titular da Gestão Fazendária de Várzea Grande, Lucinéia dos Santos Ribeiro.

Ela lembrou que Várzea Grande avançou muito nos últimos anos criando um diferencial para aqueles que não tem pendência com a Fazenda Municipal e, portanto, usufruem de um desconto maior como no IPTU que oferta 15% para aqueles que pagarem no vencimento e não tem dívidas anteriores.

Mesmo aqueles que tem dívidas anteriores a 2021 e desejam pagar, ofertamos um desconto de 5%, portanto, compensa estar em quites com a cidade e desfrutar de um bom desconto no pagamento de seus impostos”, disse a titular da Pasta.

Lucinéia dos Santos Ribeiro lembrou ainda que o prefeito Kalil Baracat, assumiu compromisso público em destinar maior parte dos recursos arrecadados com IPTU para ações de saúde tão preponderantes neste ano de Pandemia da COVID-19, mas sem deixar de cuidar de outros setores de interesse público como obras de pavimentação asfáltica, abastecimento de água, social entre outros.

É imprescindível neste momento que as pessoas compreendam que não se faz necessário ir a Prefeitura de Várzea Grande, na Gestão Fazendária para tratar dos seus negócios, hoje tudo pode ser feito por telefone, por e-mail, online e outras maneira de atender a todos com presteza, qualidade, dignidade, respeito e principalmente transparência, estamos prontos inclusive para dirimir dívidas e qualquer outro tipo de problema existente, disse a secretária de Gestão Fazendária.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Salários de outubro serão pagos pelo governo estadual nesta sexta-feira (30)
Propaganda

ECONOMIA

Empresários da capital dizem que a falta de qualificação é a maior dificuldade na hora da contratação

Publicados

em

Visando fazer um levantamento sobre o mercado de trabalho durante a pandemia, além do fluxo de oferta e procura de mão-de-obra na capital mato-grossense, o Núcleo de Inteligência de Mercado da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá) realizou uma pesquisa com 150 entrevistados, sendo eles empresários do segmento do comercio varejista e de prestação de serviços de Cuiabá. Os dados foram coletados entre os dias 14 e 20 de abril de 2021.

Sobre se tem feito ou considerado a demissão de colaboradores em virtude do período de medidas restritivas, 74,7% discordaram que pensam nisso, contra 25,3%, que concordam muito. Dos que estão demitindo ou pensando em demitir a taxa média de demissão ficou em 34%.

A pesquisa demonstrou também que 69,3% dos empresários estão trabalhando com sua capacidade total de funcionários, contra 30,7% que apresenta um quadro inferior. Contudo, quando questionados se pretendem fazer novas contratações nos próximos 30 dias, 18,1% informaram que estão planejando gerar novas vagas de emprego.

Conforme os dados levantados ainda, a função que mais teve vagas abertas nos últimos 30 dias foi a administrativa/comercial com 20,6%, seguida de vendas 17,7%; Auxiliar de produção 11,8%; Área Técnica 8,8%; Entregador 8,8%; Estoque 8,8%; Pedreiro/Ajudante de pedreiro 8,8%; Caixa 5,9%; Serviços Gerais 5,9%; e por fim, açougue com 2,9%.

Nesse quesito a pesquisa perguntou sobre a satisfação em relação à mão-de-obra qualificada para a empresa. O empresário tinha que dar uma nota de 0 a 10 conforme seu nível de satisfação e infelizmente a nota média ficou em 5,3, que nos demonstra que falta qualificação nas pessoas que buscam uma oportunidade de trabalho. Essa informação gera importantes reflexões quanto à necessidade de gerar ações públicas e privadas que possam melhorar esse índice do mercado de trabalho“, disse o superintendente da CDL Cuiabá, Fábio Granja.

A falta de qualificação também foi apresentada como um dos maiores problemas ou dificuldades no preenchimento de vagas, conforme responderam os empresários entrevistados (75,5%).

Em relação aos principais meios que costumam recrutar colaboradores, 55,2% disseram que através de indicações, já 18,2% em banco de empregos, 12,5% através da internet, 5,2% por empresas de consultorias e 8,9% em outros meios.

PROJETO DESPERTAR

Diante do alto índice de desemprego e da falta de qualificação que dificulta ainda mais as chances de se encaixar em alguma vaga disponível no mercado, a CDL Cuiabá lançou o Projeto Despertar, que visa capacitar pessoas que estão em busca de uma oportunidade de trabalho.

Através deste projeto, nós iremos proporcionar conhecimento e orientação às pessoas que estão desempregadas e que buscam se encaixar em alguma vaga de trabalho. Através de uma capacitação, nós iremos prepará-lo com a ajuda de profissionais qualificados, com informações de como elaborar um bom currículo e como deve ser o comportamento em entrevistas, além disso, disponibilizaremos conteúdos on-line profissionalizantes e gratuitos, além de dicas de educação financeira e saúde, explicou Granja.

Para mais informações sobre o projeto, acesse:

correntedobemcdlcuiaba.com.br ou entre em contato pelo fone 65 3615-1599.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cuiabanos diminuem ritmo de endividamento e inadimplência
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA